logo
aria-hidden="true">

COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA

Programas


PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA EM DOR - HNSC

O programa de Residência Médica em Dor iniciou em 2015 e visa atender os preceitos de curso de Pós-Graduação “sensu latu” e desenvolver treinamento sob supervisão reconhecida pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM) e Ministério de Educação (MEC). O programa visa capacitar e certificar os médicos, desenvolvendo conhecimentos, habilidades, atitudes e práticas no atendimento de pacientes e seus familiares que convivem com Dor, buscando uma abordagem bio-psico-social do indivíduo.


Para concorrer a uma vaga de residente em Dor, o pretendente terá que ter como pré-requisito formação em uma das seguintes áreas: Anestesiologia, Clínica Médica, Ortopedia, Neurologia ou Neurocirurgia, Medicina Física e Reabilitação, Acupuntura ou Reumatologia em Residência credenciada pela CNRM.


O programa de Dor se estenderá pelo período de 1 ano, com uma carga horária 2.880 horas cumpridas em regime semanal de 60 horas.


A formação do residente se dará principalmente através de:
· Atividades nos ambulatórios do serviço,
· Avaliação e acompanhamento de pacientes internados,
· Acompanhamento de procedimentos intervencionistas para manejo da Dor,
· Participação em atividades teóricas: seminários e aulas.
· Elaboração e realização de projeto científico para o Trabalho de Conclusão do Curso.

Os seguintes temas fazem parte do período de sua formação:

· Compreender os mecanismos básicos e causas da dor – neurofisiologia e anatomia da dor.
· Conhecer e saber identificar os diferentes tipos de dor, classificar a dor através de instrumentos validados na prática clínica e na literatura.
· Reconhecer a importância da avaliação da dor. Identificar, avaliar e acompanhar, da forma mais abrangente possível, uma pessoa com síndrome dolorosa.
· Conhecer os princípios básicos da medicina baseada em evidências e da epidemiologia aplicada.
· Conhecer os princípios do manejo farmacológico da dor.
· Conhecer os princípios do manejo não-farmacológico da dor.
· Praticar e se familiarizar com técnicas intervencionistas no manejo da dor.
· Conhecer técnicas cirúrgicas para o manejo da dor.
· Conhecer e manejar casos específicos de dor (aguda, crônica, neuropática), nos diversos ambulatórios do Serviço: Dor Crônica, Cefaléia, Dor Lombar e Osteo-Articular, Dor Oncológica, Dor no Idoso, Dor Orofacial, Dor Pélvica-Ginecológica.

PRECEPTORES
- Edilson S. Machado: Ortopedia e Traumatologia e Área de Atuação em Dor. Mestrado em Genética e Biologia Molecular. Doutorando em Medicina.


EQUIPE
- Newton Barros: Especialista em Clínica Médica com Área de Atuação em Dor e Medicina Paliativa, Mestrado em Clínica Médica.
- Cledy Eliana dos Santos: Especialista em Medicina de Família e Comunidade, Doutorado em Cuidados Paliativos.
- Fabiana Hauser: especialista em Medicina Física e Reabilitação e Acupuntura, Mestrado em Genética.
- Marta Filippi: Especialista em Clínica Médica,
- Martha Helena Zuardi: Especialista em Clínica Médica
- Ricardo Pedrini Cruz: Especialista em Oncologia Cirúrgica, Doutorado em Cirurgia.
- Luciana Silveira Campos: Especialista em Ginecologia e Obstetrícia, Doutorado em Dor Pélvica e Sexualidade.
- Luciana Saavedra: Especialista em Medicina de Família e Comunidade, pós-graduação em Dor e Medicina Paliativa.
- Juliana Ribeiro Berteli, Especialista em Anestesiologia, Pós Graduação em Dor Oncológica no INCA.
- Jean de Lima Cordeiro: Psiquiatra.
- Simone Pellin de Nardi: Psicóloga Clínica, especialização em Luto.

login